Anticoncepcional masculino – Entenda a respeito

O anticoncepcional masculino é a grande novidade do momento e pode ser muito satisfatória para o público feminino. A surpresa é que pílulas masculinas ainda estão em fase de testes e seu desenvolvimento venceu mais um desafio na nova etapa

ANÚNCIO

A primeira fase foi testada em humanos e avaliou sua tolerância e segurança nesses organismos. Apesar de estar em estágio inicial, esse método pode facilitar e muito a busca excessiva das mulheres pelo anticoncepcional que muitas vezes acaba causando diversos danos colaterais. 

Anticoncepcional

Como funciona o anticoncepcional?

O remédio causou mudanças hormonais que resultou na diminuição da produção de esperma nos homens que se submeteram aos testes durante 28 dias. O medicamento é chamado de 11-beta-MNTDC, e nessa primeira etapa não foi notado severos sinais de danos colaterais. Os únicos efeitos constatados foram fadiga, dor de cabeça e acne. A libido dos pacientes foi mantida na maioria dos casos testados. 

ANÚNCIO

A próxima fase para validação do medicamento, é testá-lo em casais sexualmente ativos para assim comprovar sua eficácia. O remédio é considerado irmão do DMAU, outro método contraceptivo de via oral, também em fase de testes. Ambos estão sendo testados pela mesma equipe de pesquisadores. O objetivo de trabalhar com duas possibilidades diferentes é proporcionar um avanço significativo para o campo da ciência. Contudo, a previsão para que este anticoncepcional seja efetivamente utilizado assim como o feminino é hoje, são de 10 anos, em 2029.

De acordo com a pesquisadora do centro de Pesquisa Biomédica de Los Angeles e do Centro Médico de UCLA:

ANÚNCIO

“Nossos resultados sugerem que essa pílula, que combina duas atividades hormonais em uma, diminuirá a produção de esperma ao mesmo tempo em que preserva a libido”

A Dra. ainda completou dizendo: 

 “Uma contracepção hormonal masculina reversível e deverá estar disponível em cerca de dez anos.”

Importancia de métodos alternativos

Buscar métodos alternativos à pílula anticoncepcional feminina é algo que se faz cada vez mais necessário. Diversas mulheres têm sofrido as consequências desse contraceptivo justamente por não terem alternativas muito eficientes para para evitar uma gravidez indesejada. Apesar do anticoncepcional não ter apenas essa finalidade, um dos principais motivos para a sua procura é evitar uma gestação. 

Evidências científicas têm indicado que entre os efeitos colaterais que estão atingindo as mulheres estão: ganho de peso, maior risco ao desenvolvimento de depressão, oscilação de humor e redução da libido feminina. 

ANÚNCIO