Tabela do INSS 2019 – Calendário de pagamentos

A tabela do INSS é divulgada anualmente pelo Ministério da Previdência Social, o responsável por liberar os recursos e pagar os valores. Nela, contém o calendário dos pagamentos dos beneficiários do INSS – Instituto Nacional do Seguro Social.

ANÚNCIO

Com o objetivo de evitar transtornos, essa tabela tem por objetivo organizar essa distribuição. Neste artigo, você irá entender um pouco melhor a respeito de como ela é feita. 

tabela

O que é o INSS

Esse órgão é  administrado pelo Governo Federal, cuida da distribuição dos valores da seguridade social, como a aposentadoria. Embora tenha ocorrido uma mudança de gestão no governo, o atual presidente, ainda não se pronunciou em relação às mudanças que afetam essa tabela. 

Por isso, para entendê-la e saber identificar qual a data que você irá receber os benefícios, é preciso saber quais são as regras da organização dessa tabela de pagamentos. 

O calendário do INSS

Os períodos foram divididos de acordo com o último número do cartão dos segurados e as datas indicadas estão sempre de acordo com os dias úteis. Os feriados e finais de semana foram excluídos do calendário. 

ANÚNCIO

A tabela do INSS considera apenas os feriados nacionais, por isso, podem haver alterações específicas em relação às datas de acordo com o feriados estaduais e municipais. 

Vale observar, também, que essa tabela se divide em 2 blocos: o primeiro, para aqueles que recebem valores de até 1 salário mínimo e o segundo é voltado para aqueles que recebem um valor superior a 1 salário mínimo. 

Fique atento ao prazo para sacar o seu benefício, pois ele vence no mês seguinte à data estipulada na tabela do INSS 2019. Caso você não realize o saque, esse dinheiro 

Quem pode receber o INSS e os valores

Para ter acesso aos valores expostos na tabela é necessário fazer parte das categorias criadas em lei. Entre elas estão: auxílio-doença ou acidente, reabilitação profissional,

direito ao 13º salário de benefício previdenciário, beneficiárias do salário- maternidade e seguro desemprego, aposentados por invalidez e por tempo de serviço. Devido a mudança no salário-mínimo os valores das alíquotas foram alterado. Confira as faixas de contribuição previstas.

  • 8% para trabalhadores cujo salário contribuição é de até R$ 1.659,38.
  • 9% para quem tenha o salário contribuição de R$ 1.659 até R$ 2.765,66.
  • 11% para os que têm salário contribuição entre R$ 2.765,67 e R$ 5.531,3.

Como consultar online a tabela do INSS?

Para ter acesso a tabela do INSS pela internet, e saber se o seu benefício encontra-se disponível, basta entrar no site oficial do INSS, e preencher o número do benefício, sua data de nascimento, nome completo e o CPF. Caso ainda não possua cadastro no sistema, será necessário criar um no momento do primeiro passo, gratuitamente. Feito isso o procedimento é o mesmo. 

ANÚNCIO