Menina de 10anos ‘estuprada pelo tio’ bombardeada por manifestantes do lado de fora da clínica

ANÚNCIO

A polícia militar teve que proteger uma menina de dez anos de protestos religiosos furiosos que tentavam impedi-la de fazer um aborto em um hospital no Brasil.

As informações privadas e o paradeiro da menina teriam vazado pela internet depois que ela procurou um aborto no estado do Espírito Santo.

ANÚNCIO

A criança, de São Mateus, teria sido estuprada pelo tio.

Menina foi estuprada por 4 anos

Segundo o jornal de circulação nacional G1, a menina descobriu que estava grávida depois de se apresentar ao hospital com queixa de dores abdominais.

Ela disse aos médicos que seu tio a estuprava desde os seis anos de idade e ela nunca o denunciou porque ele teria a ameaçado, segundo o G1.

ANÚNCIO

Seu tio, um homem de 33 anos não identificado, foi preso e indiciado por estupro, mas está foragido, segundo relatos da mídia brasileira.

A menina foi forçada a viajar para um hospital a mais de 1.400 quilômetros de sua casa depois que suas próprias instalações locais se recusaram a tratá-la, em meio a uma batalha judicial altamente politizada que causou indignação generalizada no Brasil.

Menina de 10anos 'estuprada pelo tio' bombardeada  por manifestantes do lado de fora da clínica

Manifestantes religiosos de extrema direita convergiram para o hospital quando a garota estava prestes a abortar no domingo.

Manifestantes tentaram invadir o hospital

Eles foram filmados manifestando contra funcionários do hospital e no táxi em que a criança estava escondida quando tentavam entrar.

Alguns manifestantes até mesmo tentaram invadir o hospital em Pernambuco para tentar impedir que o procedimento fosse realizado.

Segundo o G1, os manifestantes foram atraídos para o hospital depois que a ativista anti-aborto Sara Giromini postou o nome da menina e a localização do hospital em um vídeo nas redes sociais.

De acordo com o The Guardian, o vídeo excluído mostra Giromini falsamente alegando que a menina foi sequestrada e levada para a execução em um jato particular, e segura uma boneca de plástico que ela afirma ser do tamanho de um feto, enquanto ela diz: “Este é um violação extremamente grave dos direitos humanos!

Menina de 10anos 'estuprada pelo tio' bombardeada  por manifestantes do lado de fora da clínica

Ativistas pró-escolha foram ao hospital no domingo para defender a menina e garantir sua passagem segura em meio aos protestos barulhentos.

Paula Viana, que acompanhou a criança do aeroporto de Recife ao hospital, disse ao The Guardian que parou o táxi no caminho do aeroporto, escondeu a menina e a introduziu clandestinamente no hospital por uma entrada lateral enquanto manifestantes protestavam do lado de fora.

“É inacreditável que isso esteja acontecendo no Brasil, que parte da população realmente acredite que o aborto é pior do que o estupro”, disse Viana, que trabalha com o grupo de direitos das mulheres Curumim.

“Mas não ficamos surpresos porque sabemos que temos um presidente que apoia essas demonstrações de ódio.”

Os manifestantes teriam tentado impedir o diretor do hospital de entrar no prédio e tentado arrombar o interior, até que a Polícia Militar foi chamada para vigiar a unidade.

Menina passa bem

A Sra. Viana acrescentou que a jovem estava desesperada para voltar a jogar futebol. “Ela é muito forte – mas é apenas uma criança. Ela precisará de apoio psicológico de longo prazo. Ela entende tudo o que ela está passando. ”

Em uma nota, o Facebook disse que “o vídeo em questão foi removido por violar nossas políticas ao promover danos potenciais às pessoas no mundo offline de uma maneira coordenada”.

Segundo a direção do hospital, a menina está se recuperando bem após passar pelo procedimento.

A Secretaria de Saúde de Pernambuco afirmou que o procedimento foi feito com autorização judicial e que “todos os parâmetros legais estão sendo rigorosamente cumpridos”.

A Promotoria da Infância e da Juventude de São Mateus investiga se grupos religiosos tentaram pressionar a família da menina a não realizar o aborto, enquanto as autoridades analisam os clipes de áudio enviados a eles.

Traduzido e adaptado por equipe Ktudo

Fonte:Lad Bible

 

ANÚNCIO