Chuva de meteoro Lyrid: quando e como assistir a esse espetáculo

ANÚNCIO

Para aqueles apaixonados pelo céu noturno e todas as suas ocorrências celestes, abril oferece a oportunidade perfeita para ver céus impressionantes.

Nesta semana, os observadores de estrelas devem sair para ver a chuva de meteoros anual do Lyrid, que deve atingir o pico de 21 a 22 de abril.

ANÚNCIO

A chuva, que ocorre anualmente de 16 a 30 de abril, marca a primeira chuva de meteoros desde janeiro, com a coincidência da lua nova que deve tornar este ano especialmente vibrante.

É isso que você precisa saber sobre como assistir a chuva de meteoros Lyrid…

Chuva de meteoros Lyrids na Constelação de Lyra | Thoth3126

Quando a chuva de meteoros estará no auge e para onde você deve olhar no céu noturno?

De acordo com o Space.com, os meteoros estarão no seu pico na noite de terça-feira, 21 de abril, até quarta-feira, 22 de abril.

ANÚNCIO

Durante esse período, haverá de 10 a 20 meteoros visíveis a cada hora sob céu limpo.

Uma das melhores partes desse fenômeno espacial anual é a facilidade com que você pode ver os meteoros – pois eles serão visíveis no céu noturno.

Para aumentar suas chances de encontrar uma estrela cadente, você deve olhar na direção leste-nordeste, pois os meteoros emanarão da constelação Lyra, perto de sua estrela mais brilhante, Vega.

O que causa os Lyrids?

Os Lydrids são “partículas lançadas do cometa 1861 G1 Thatcher, que passou pelo sistema solar interno em 1861”, de acordo com a American Meteor Society. No entanto, a chuva de meteoros Lyrid existe há muito mais tempo do que isso, com relatos do fenômeno que remontam a 2.700 anos atrás.

Comparado a outras chuvas de meteoros, os Lyrids “tendem a produzir meteoros brilhantes e uma bola de fogo ocasional”.

Você precisa de algo para ver o fenômeno espacial?

Como a chuva deste ano coincide com a lua nova, os especialistas preveem que as estrelas cadentes serão visíveis sem um telescópio – o que significa que tudo o que você precisa fazer é sair e olhar o céu noturno.

Para a melhorar a experiência, a American Meteor Society recomenda assistir da janela a partir de meia-noite até uma hora antes do amanhecer e “assistir por pelo menos uma hora“, pois “garante que você poderá ver o melhor que esta exibição tem a oferecer” ”.

Visualizar em um local desobstruído pelas luzes da cidade também é útil.

Fontes: Independent e Space.

Traduzido e adaptado por equipe Ktudo.

ANÚNCIO