4 dicas essenciais para quem vai solicitar um cartão de crédito novo

É raro encontrar alguém hoje em dia que ainda não tenha um cartão de crédito. E isso acontece devido as facilidades e comodidade que esse meio de pagamento permite – dá para comprar online, dividir a compra em parcelas e acumular milhas, por exemplo.

Mas, você já se perguntou o que é importante de ser analisado na hora de solicitar o cartão novo? Tem gente que pede porque o banco é bom, outros pedem porque não tem custo… E você, o que costuma levar em conta nesse momento?

Fizemos uma lista breve com 4 dicas super importantes que você deve estudar sempre que for fazer o pedido de um cartão novo.

1 – O Valor da Anuidade

Apesar de ter muitos benefícios, um cartão de crédito pode não ser o ideal para você se tiver um custo muito elevado. Sim, os mais caros são os que mais tem vantagens. Isso é verdade. Mas, é muito importante que você tenha controle financeiro.

Portanto, saiba que hoje em dia existem cartões que tem funções internacionais e ainda assim não cobram taxas de anuidade. E olha que são muitos, dá para selecionar nomes como Nubank, Digio, Credicard, entre outros.

ANÚNCIO

2 – A Confiabilidade do Emissor

Outra dica importante para quem vai solicitar o cartão de crédito é analisar muito bem qual é o banco emissor por trás dele. Porque apesar de isso não parecer importante pode ser que você tenha problemas na hora de buscar seus direitos.

E a confiança de um cartão não está apenas na empresa que emite, mas especialmente no que as pessoas falam deles. Uma boa dica é buscar informações sobre o cartão em sites como o Reclame Aqui, que expõe a opinião dos usuários.

3 – Os Benefícios do Cartão

Também vale citar o fato de que um cartão de crédito para ser bom precisa ter benefícios que agreguem valor ao seu cliente e usuário. Logo, se ele for útil apenas para as funções mais simples pode acabar não sendo tão agradável.

Hoje em dia, os cartões têm se mostrado ótimas opções para as pessoas. Por exemplo, tem o que tem cashback e devolve parte do dinheiro da fatura para o cliente. Tem aquele que tem isenção na anuidade. Tem o que dá muitas milhas aéreas.

Cada cartão tem suas vantagens e seus custos, por isso, o ideal é que o cliente saiba fazer essa conta simples entre o custo e o benefício antes mesmo de solicitar o cartão.

4 – A Tecnologia do Cartão

Por fim, vale ainda citar um ponto importante. Estamos em uma época muito digital, onde as pessoas buscam facilidade o tempo todo e, na real, ninguém quer ficar indo no banco todo dia para resolver pendências ou fazer pagamentos.

Então, quanto mais digital um cartão for (e com mais qualidade nesse serviço) mais agradável ele será ao cliente. Ter um aplicativo que fornece informações em tempo real e permite até mesmo compras online é sim uma necessidade nos dias atuais.

ANÚNCIO